13:03:00

Não sei se sou eu que caminho a passos largos para a velhice, e para a utilização de fraldas, ou se são estas gerações mais novas que com acesso facilitado a tudo e mais alguma coisa têm excesso de informação e não a sabem seleccionar, mas ontem, um rapaz de 21 anos perguntou-me "Quem é o Eduardo Mãos de Tesoura?" 


Aí o meu cérebro parou durante uns segundos a tentar digerir aquela pergunta. Confesso que me faz confusão alguém não conhecer a personagem, a comovente história que protagoniza, e não fazer ideia de quem é Tim Burton e desconhecer o seu belo e tortuoso universo cinematográfico. Para mim, isto é quase um dado normalmente adquirido, conhecer isto tudo. 

Lá expliquei ao rapaz, assim por alto, a história de Edward Scissorhands. Ficou interessado e atirou um "Tenho que sacar, então!". Aquilo atingiu-me  como se levasse um soco no estômago. A primeira vez que vi o filme deveria ter para aí uns dez anos e foi numa "Lotação Esgotada" da RTP1. Para o voltar a ver, tive que esperar que um amigo meu mo emprestasse, em cassete VHS, que ele tinha gravado quando foi exibido. 



Eu não gosto muito de criticar gerações mais novas porque acredito que cada uma tem as suas características próprias e o nosso país (e o mundo) também vai evoluindo e isso reflecte-se nas mesmas. Mas, não consigo aceitar as justificações com que me presenteiam para não terem visto grandes clássicos do cinema (já nem falo na literatura) tendo em conta a facilidade com que hoje em dia conseguem obter tudo. 

PS: Eu nem referi a parte da cassete VHS ao rapaz com medo que ele me perguntasse o que é isso do VHS... :|

You Might Also Like

2 pessoas com demasiado tempo livre comentaram isto