Florence, a Salvadora.

Tenho a sensação de que o segredo para qualquer música ganhar qualidade, mesmo que seja uma música do pior que há (tipo do mais azeiteiro possível), é contar com a voz de Florence Welch.

Qualquer música (e já agora, respectivo videoclip) onde esta moça apareça torna-se automaticamente bom. Uma canção da Mónica Sintra cantada por Florence Welch ganha um Grammy.

Assim se percebe que a voz (vá, e também a presença no vídeo) de Florence, salve este pequeno estampanço no poste em que o senhor Calvin Harris se foi meter. 


Há dúvidas?