You gotta love this job

Hoje foi das dez da manhã até às dez da noite. Sempre a escrever cenas, mas também muitas paragens pelo meio para café (vou ganhar imunidade à cafeína a este ritmo), discutir plots, falar sobre problemas noutras equipas, dar apoio, partir dentes a comer rebuçados, chorar a rir ao escrever uma cena e dizer "Fuck you" em altos berros para o computador. Mas a sensação de desligar o pc e sair do local de trabalho percebendo que se escreveu um episódio do caraças é qualquer coisa impagável.

Comentários

Crente disse…
Eu também assim muito do meu trabalho. Queres trocar?? ;)
The Coiso disse…
Escreves cerca paletes de cenas por dia e entregas um número absurdo de guiões por semana? Se sim, bem... podes fazer as minhas férias. É que eu gosto mesmo muito disto. :)
Crente disse…
Não, mas tenho um nome pomposo: dire(c)tora comercial hehehe
The Coiso disse…
Eu tenho uma ocupação em que as pessoas pensam que eu sou um profissional da condução! :P
Crente disse…
Motorista de metro? hehehe
The Coiso disse…
Normalmente, não sei porquê, pensam mais em camionagem. Condução de pesados. :)
Crente disse…
Agora fiquei com uma imagem de camionista... pior que a imagem das riscas! hehehe
The Coiso disse…
Tenta guionista!
Crente disse…
hehehe
E de quê? Sim, sou cusca. Sou "gaija".
The Coiso disse…
Escrevo para televisão! ;)
Crente disse…
Reduziste imenso as hipóteses hehehe
Obrigadinha :P

Mensagens populares