Matemática pessoal


O ser humano é fantástico. Não deve existir outro ser mais interessante que ele. Tem tiradas absolutamente geniais. Claro que toda a gente acha piada a ver cães a falar no youtube, mas as pessoas têm a capacidade de nos surpreender de uma forma mais interessante. Só assim se explica que depois de passar horas com uma pessoa, a qual afirmava que “Eu agora já não faço A. Mudei completamente. Deixei mesmo de fazer A.” e, depois ao final da noite, faz C. Sendo que este C corresponde ao pior que A poderia ser, juntando-lhe um B ainda pior. Não sei se esta operação é perceptível a quem lê, mas na minha mente é. Infelizmente, é.