Eu não estou a falar literalmente de airbags e de dar com os cornos na parede.

Já reparei que os seres humanos têm uma grande propensão para se estamparem directamente com os cornos na parede, mesmo quando é uma grande e bonita parede. Daquelas bem grandes, que se vêem a quilómetros de distância. Se preciso for, até têm sinais de perigo (e dos amarelos) a alertar para o facto. Mas pronto, há um qualquer fascínio com o acto de "espetar os cornos numa parede". Já nos tentámos precaver criando o airbag, mas infelizmente, ainda não existe um airbag portátil para o nosso dia-a-dia.

Comentários

Mensagens populares