É simples.

Não quero saber de mulheres. Nem de homens, claro.