Benfica e os mitras (Não, não contém referências à direcção do clube)

O mal do Benfica ser um clube muito grande (muito grande mesmo) e de ter milhões de adeptos (sendo um símbolo de um país e não apenas de uma região ou de uma zona de Lisboa como alguns clubecos que por aí andam) é que, precisamente, há muitos adeptos do Glorioso. Há adeptos benfiquistas para todos os gostos. Isso constatei eu, hoje, no café onde me reuni com dois colegas para discutir um projecto futuro, o qual, minutos antes de começar a partida (SL Benfica vs. Man Utd), foi invadido por uma mistura curiosa de mitras, sem-abrigo e trabalhadores independentes de profissões sem descontos para a Segurança Social e Finanças (vulgo, arrumadores). Melhor que isso, é estar em casa, à varanda a contemplar a vista para o Tejo ao final da tarde, e ouvir um bairro a gritar quase em uníssono "Gooooooooooolo!"