"à barbela"


Uma das coisas mais fascinantes que encontrei nos últimos tempos foi os comentários de uma tourada! Já ouviram (e prestaram atenção) ao que diz o comentador tauromáquico. Diz coisas tão geniais como:




  • "este touro tem uma investida relativamente franca"

  • "o touro saiu muito reservado"

  • "creio que no momento da reunião teve ali joelhos a mais"

  • "fecha-se muito bem à barbela"

Esta são apenas algumas das expressões que me ficaram na memória. Mas a melhor parte (ah... estou a referir-me à "Corrida da Mulher" da TVI - uma tourada só com cavaleiras.) foi a entrevista da repórter, que estava junto à arena, ao forcado que tinha acabado de fazer uma pega. O homem a arfar que nem um cão e com a cabeça aberta, a jorrar sangue e a moça a insistir na entrevista. Momento surreal, mas imperdível!

Comentários

Anónimo disse…
Genial. genial, é iniciar-se uma apresentação sobre a investigação de um dado microrganismo que provoca amigdalite, para um público que nem sequer sabe que o dito bicho é o agente da amigdalite e lerem a seguinte frase "You won`t sing a note with me in your throat"... Ah pois é... Enfim só eu

Mensagens populares deste blogue

Plot Point

Eu não gosto de discotecas.

Desconfortabilidade